Queijo artesanal no Mercado Central de Belo Horizonte

Mercado Central de Belo Horizonte from SerTãoBras on Vimeo.

No Mercado Central da capital mineira são comercializados diversos tipos de queijo de leite cru, da Canastra, do Salitre, de Araxá, São Roque e diversos outros tipos. Em um giro pelo típico Mercado de Belo Horizonte, a equipe da SerTãoBras descobre as diversas formas de comer o tradicional queijo mineiro, pela voz dos consumidores.

O queijo de leite cru é consumido diariamente pelas famílias mineiras e faz parte da cultura mineira. Seja fresco ou curado, branquinho ou salgado. Dá pra comer cru ou na chapa, com pão e café, com goiabada ou pra fazer pão de queijo. Tem para todos os gostos e finalidades, e até para dar de presente!

Transcrição do vídeo:

SerTãoBras: Você compra queijo sempre aqui no Mercado Central?

Conceição Araújo: Sempre, só aqui. Praticamente só aqui no Mercado Central. Eu compro muito o Canastra. Basicamente o Canastra.

SerTãoBras: Você prefere o queijo principalmente como?

Conceição Araújo: O queijo cru mesmo. Como com goiabada, no pão, puro com café.

SerTãoBras: Todo dia?

Conceição Araújo: Todo dia!

Luciano Avelar: É o queijo que a gente consome em casa, é o queijo Minas e o Canastra. E são todos os dois de leite cru.

Custódio Gonçalves: Eu gosto mais do queijo Canastra

Dulce de Paula: Eu compro o branquinho mas eu gosto mais do curado. Eu compro o curado pra fazer salgado e o branquinho mais é pra comer.

Sergio Ribeiro: O branquinho é mais pra frio, pra tomar café… o curado é mais para fazer pão de queijo.

Gregório da Mata: Eu prefiro mais o de Araxá. Ele derrete mais, depende do que você vai fazer. Se for pra fazer pão de queijo, por exemplo, eu já compraria o moído do São Roque.

Zélio Drumont: Aqui eu levo um pouquinho de cada. Levo o requeijão, queijo curado, queijo mais fresco, tudo dá pra levar.

SerTãoBras: E vocês comem ele como?

Zélio Drumont: Café da manhã… Ah, todas as refeições que a gente faz tem um pedacinho de queijo lá. De tira-gosto…

SerTãoBras: Qual é a preferencia dos turistas e das pessoas em geral?

Patrícia de Almeida (vendedora): É o Canastra de São Roque. É um queijo com pouco sal, massa fina. Um queijo especial mesmo para viagem.

Ivanir Kelbes: Eu ouvi falar que o queijo de Minas Gerais é muito bom. Então eu estou levando pra minha terra. Vamos ver, Santa Catarina vai conhecer o queijo mineiro.

Antonio Ferreira Lopes: Eu estou gostando muito desse queijo. Estou levando quatro quilos lá pra João Pessoa.

Sônia Castelo Branco: Eu estou comprando para dar de presente pro pessoal que mora no Rio.

Benilde de Sousa: Eu compro o Canastra por ele ser branco, ter menos gordura e é o mais saudável que eu acho.

Ivanir Kelbes: Eu acho ele mais leve, menos salgado. Eu acho que ele vai bem com doce, ou no pão salgado. Com doce ele também vai muito bem. Com a… goiabada!

Benilde de Souza: Eu gosto daquele que não é meia cura e nem o frescal. É o que fica intermediário. Que serve pra tomar café, pra comer com doce…

Alexandre Pajá: Lá em casa eu e meus filhos comemos, no café da manhã, esquentamos ele na chapa, no pão. Eles vão para a escola e comem isso.

José Jorge: Eu tô levando esse aqui, do seco. Eu compro esse aqui mais é pra misturar com arroz doce, porque ele fica mole dentro do arroz doce.

Custódio Gonçalves: É a mesa do mineiro. Se o queijo sair rodando eu vou sair atrás!

REALIZAÇÃO: Debora Pereira e Riba de Castro

Leia Mais
Pseudomonas são mofos indesejáveis que colorem o queijo