Matec, fábrica de etiquetas de caseína

INFORME PUBLICITÁRIO publicado em 18 de setembro de 2016

O objetivo é controlar e registrar os fluxos de gestão de informação em uma época que o mercado e os consumidores estão cada vez mais exigentes. As etiquetas de caseína de tornam uma ferramenta essencial para a cadeia do queijo, contribuindo para identificação e segurança.

Originária da Holanda e especialista internacional em placas de caseína, a Matec oferece o serviço de impressão em etiquetas de caseína e planejamento de sistemas de identificação automática para traçabilidade dos queijos. No Brasil, a empresa é parceira da SerTãoBras e apóia nossas ações em prol da valorização do queijo artesanal de leite cru.

Se você deseja um orçamento de etiquetas de caseína, escreva para a sertaobras@gmail.com,
coloque em anexo sua logomarca e ou explique o que você deseja imprimir na placa de caseína.

caseina6

Com a marca do queijo é possível descobrir exatamente onde e quando é que o queijo foi produzido. O código continua legível durante todo o processo de produção, mesmo depois da salmoura e revestimento e da cadeia de suprimento ao seu corte.O código na marca de queijo, uma seqüência de algarismos consecutivos, geralmente em combinação com uma ou mais letras, identificam o queijo individual. O código é vinculado às informações essenciais, tais como matéria-prima, teor de umidade e de sal, medida e peso do queijo.

caseina7História da Matec

“Het Kaasmerk”, foi constituída em Leiden em 1919, porque a „Rijkszuivelstation” (Estação de Laticínios do Estado), que fabricava marcas de queijo, não estava preparada para produção em massa. O governo dos Países Baixos havia, de fato, determinado que todos os queijos produzidos depois do dia 1 de fevereiro de 1920, deveriam ter uma marca estatal para poderem serem qualificados para exportação. Isto causou um grande salto na demanda. Naquele primeiro ano foram produzidas mais de 15 milhões de marcas. Foi constituída a „Matec” em 1989 para fornecer marcas de queijo ao Comté, um dos maiores produtores de queijo franceses. Desde então, a empresa familiar tem crescido como um ator mundial na área de marcas de queijo. Desde 2009, aproximadamente 40 funcionários trabalham diariamente  para o melhor controle das etiquetas.

Veja aqui o conteúdo integral em português para as etiquetas de caseína.

caseine0

A marca do queijo oferece proteção: da marca, da receita e da paixão e habilidade em que fazemos os nossos produtos diariamente.” Gilberto van Leeuwen, Kaasboerderij (fazenda de queijo) van Leeuwen, Hoogmade, Países Baixos

Cada marca é única!

A caseína é fornecida em pó e misturada com água e eventualmente com colorante e glicerol. Em seguida, é envolto em um filme ou prensado, a parir do qual, mediante um processo de higiene controlado, as marcas são prensadas em qualquer forma desejada, perfuradas e impressas com um padrão próprio e codificação única. Após a secagem, as marcas são embaladas e distribuídas por unidade. Os fornecimentos são documentados cuidadosamente, de modo que fique claro qual o produtor que recebeu qual marca.

Design personalizado ou forma padrão

      As marcas de queijo podem ter praticamente de qualquer forma, cor, perfuração ou tamanho. O design pode ser personalizado, mas pode, é claro, usar uma das formas padrões.

Ótima adesão

      As perfurações na plaquinha de caseína cuidam para que a umidade não se acumule de baixo da marca de queijo e facilitam a aderência.

Legível e comestível

A tinta, para sobreviver à salmoura, terá que ser de qualidade robusta. Todas as marcas de queijo possuem a garantia “Foodgrade – grau alimentício”. Impresso em ppm, o efeito é reduzido: menos prejudicial do que, por exemplo, o chumbo na nossa água potável.

Veja o site da empresa (em francês)

Artigos relacionados

Decreto nº 8.471, de 22 de junho de 2015

Altera o Anexo ao Decreto nº 5.741, de 30 de março de 2006, que regulamenta os arts. 27-A, 28-A e 29-A da Lei nº 8.171, de 17 de janeiro de 1991, e organiza o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84...

Instrução Normativa MAPA Nº 16 DE 23/06/2015

Instrução Normativa MAPA Nº 16 DE 23/06/2015 Publicado no DO em 24 jun 2015 Estabelece, em todo o território nacional, as normas específicas de inspeção e a fiscalização sanitária de produtos de origem animal, referente às agroindústrias de pequeno porte A Ministra de Estado da Agricultura...

Cadastro para produtores

Loading...